A ligação com a natureza em Iroko e São Francisco

Iroko e São Francisco têm em comum a ligação com a natureza, daí o sincretismo. Se um é a própria manifestação desta o outro nos ensina sua dimensão divina.

Homenageados em 04 de outubro
Homenageados em 04 de outubro

Iroko é considerado o primeiro presente da terra à humanidade e está presente desde o princípio até hoje.

Rege o tempo em múltiplos aspectos, acompanhando o começo e o fim de tudo, inclusive a existência humana no cumprimento de seu carma.

Representado por uma grande árvore que liga o céu à terra, acredita-se ter sido por ela que os orixás desceram à terra.

Iroko é considerado o guardião das florestas centenárias e da ancestralidade, sendo representado por árvores de grande porte adornadas por um ojá (pano branco) e em seus galhos abriga divindades e os ancestrais. É senhor do Tempo e do Espaço.

Culto a Iroko e São Francisco

Pouco cultuado no Brasil, Iroko não “baixa” nas festas das Casas de Santo, porém, é muito reverenciado com oferendas à árvore que o representa, a gameleira branca.

Sua cor é o  branco e usa palha da costa em sua indumentária. É conhecido como um orixá muito serio, encolerizado, reto e firme como uma árvore. Seu humor está relacionado também às mudanças climáticas, às intempéries.

O dia consagrado à Iroko e São Francisco é 04 de outubro, motivo de muitas homenagens.

Sendo Iroko a própria manifestação da natureza temos por correspondência o santo católico São Francisco de Assis que nos resgata sua dimensão divina, como podemos observar em seu “Cântico das Criaturas”

Cântico das Criaturas – São Francisco de Assis

Dia 04 de outubro dia de Irôko e São Francisco
Dia 04 de outubro dia de Irôko e São Francisco

Altíssimo, onipotente, bom Senhor, Teus são o louvor, a glória, a honra E toda a benção. Só a ti, Altíssimo, são devidos; E homem algum é digno De te mencionar. Louvado sejas, meu Senhor, Com todas as tuas criaturas, Especialmente o Senhor Irmão Sol, Que clareia o dia E com sua luz nos alumia.

E ele é belo e radiante Com grande esplendor: De ti, Altíssimo é a imagem.

Louvado sejas, meu Senhor, Pela irmã Lua e as Estrelas, Que no céu formaste claras E preciosas e belas.

Louvado sejas, meu Senhor, Pelo irmão Vento, Pelo ar, ou nublado Ou sereno, e todo o tempo Pela qual às tuas criaturas dás sustento.

Louvado sejas, meu Senhor, Pela irmã Água, Que é mui útil e humilde E preciosa e casta.

Louvado sejas, meu Senhor, Pelo irmão Fogo Pelo qual iluminas a noite E ele é belo e jucundo E vigoroso e forte.

Louvado sejas, meu Senhor, Por nossa irmã a mãe Terra Que nos sustenta e governa, E produz frutos diversos E coloridas flores e ervas.

Louvado sejas, meu Senhor, Pelos que perdoam por teu amor, E suportam enfermidades e tribulações.

Bem aventurados os que sustentam a paz, Que por ti, Altíssimo, serão coroados.

Louvado sejas, meu Senhor, Por nossa irmã a Morte corporal, Da qual homem algum pode escapar.

Ai dos que morrerem em pecado mortal! Felizes os que ela achar Conformes á tua santíssima vontade, Porque a morte segunda não lhes fará mal!

Louvai e bendizei a meu Senhor, E dai-lhe graças, E servi-o com grande humildade.

Saiba mais sobre Iroko e São Francisco

Características da personalidade dos filhos do orixá Irôko (Tempo) – Governante do tempo e do espaço, das coisas absolutas e abstratas da natureza e do cosmos, Irôko (orixá Tempo) cobra nossas ações segundo as leis do carma.

Sincretismo de São Francisco de Assis e Irôko – No dia 04 de outubro, comemoramos o protetor dos animais São Francisco de Assis e Irôko, oTempo, ligados no sincretismo religioso na Umbanda e Catolicismo.

Oração a Irôko (Orixá Tempo) – Faça sua oração a Irôko (Orixá Tempo) na lua cheia e receba deste orixá proteção e axé.

A Gameleira Branca de Irôko, o Tempo – À frente da Casa de Umbanda, há uma gameleira branca que leva o axé de todos nesse terreiro, nela está envolto o alá honrando Irôko, O Tempo imemorável.