Linha dos baianos: quem são e como trabalham os baianos da Umbanda?

A Linha dos Baianos surgiu para homenagear os antigos Pais e Mães no Santo da Bahia, que foram os primeiros a trabalhar para a preservação e a divulgação do culto aos Orixás em nosso país e enfrentando toda sorte de dificuldades e preconceitos.

Os Baianos representam a força daqueles que ficam à margem da sociedade, e que sofreram e aprenderam na “escola da vida” e, portanto, podem ajudar as pessoas. O reconhecido caráter de bravura e irreverência do nordestino migrante parece ser responsável pelo fato de os baianos terem se tornado uma linha de entidades de grande importância nas giras de todo o país, nos últimos anos.

Povo de fácil relacionamento, comumente aparece em giras de Caboclos e Pretos-Velhos, sua fala pode ser mais fácil de se entender que a fala dos caboclos. Conhecem de tudo um pouco e, por isso, podem trabalhar desfazendo feitiços.

Enfrentam os invasores (kiumbas, obsessores) de frente, chamando para si toda a carga a ser neutralizada. Buscam sempre o encaminhamento e doutrinação, mas quando o kiumba não aceita e insiste em perturbar algum médium ou consulente, então o Baiano se encarrega de “amarrá-lo” para que não mais perturbe ou até o dia que tenha se redimido e queira realmente ser ajudado.

OS BAIANOS NA GIRA

Nas giras eles se apresentam com forte traço regionalista, principalmente em seu modo de falar cantado, diferente; eles são “do tipo que não levam desaforo pra casa”. Possuem uma capacidade de ouvir e aconselhar, conversando bastante, falando baixo e mansamente; são carinhosos e passam segurança ao consulente que tem fé. Os trabalhos com a corrente dos Baianos trazem muita paz, pois eles passam perseverança para vencermos as dificuldades de nossa jornada terrena.

Manifestam-se de forma alegre e movimentada e gostam de uma boa conversa. Nos trazem seu axé, sua energia positiva, e têm muito a nos ensinar. Além disso, têm sempre uma resposta certeira para as nossas dúvidas.

Os Baianos não têm filhos de cabeça, pois são entidades auxiliares.

CULTO AOS BAIANOS

Regência principal: Iansã e Oxalá; Campo de atuação: Movimentação, Reordenação e Limpeza; Cores: Amarelo, Vermelho e Branco; Ervas: Buchinha do norte, cânfora, espada de Santa Bárbara, quebra demanda, mamona, folhas de fumo (tabaco), cidreira, etc.; Flores: Girassol, cravo, palmas, rosas e gérberas amarelas e vermelhas, açucena e flores do campo; Bebidas: Água ou batida de coco, suco de graviola, aguardente; vinho tinto seco, suco de casca de abacaxi adoçado com melado de cana, etc.; Oferendas: Use fitas, linhas, pembas, búzios, sementes, ervas, pimentas, flores e bebidas citadas acima Banhos: Utilize as ervas citadas acima em número ímpar se quiser misturá-las (3, 5 ou 7); Saudação: É da Bahia!

(texto adaptado)

Fonte: Luz divina

SAIBA MAIS

Quem são os Caboclos conhecidos como Boiadeiros da Umbanda? – Caboclos Boiadeiros são espíritos que se manifestam na Umbanda e fazem parte da Linha dos Caboclos, sendo uma linha mais recente de espíritos.

Como descobrir os Caboclos de Proteção da Umbanda? – Descubra seus “Caboclos de Proteção da Umbanda”, através da Consulta ao Jogo de Búzios Online.

AGENDE SUA CONSULTA AOS BÚZIOS

Jogo de Búzios do site Raízes Espirituais
Consulta ao jogo de búzios

Para aqueles que necessitam de um atendimento individual para descobrir qual é o orixá e entidades regentes; ou querem fazer uma análise de como anda um setor ou vários setores de sua vida; pedimos que encaminhe sua mensagem para marcar uma consulta espiritual e entraremos em contato.