São João é Xangô na Umbanda (com oferenda)

A tradição da festa de São João, homenageado como Xangô na Umbanda, é muito poderosa em algumas regiões, conheça a história que originou tudo isto.

Diz-se que Santa Isabel e Nossa Senhora eram muito amigas e costumavam visitar-se. Em uma tarde, Isabel foi à casa de Maria (Nossa Senhora) para contar-lhe que teria um filho dentro de algum tempo e o chamaria João. Este bebê se tornaria João Batista. Maria, então, perguntou como faria para saber do nascimento do garoto e recebeu de Santa Isabel a seguinte resposta:

“Acenderei uma fogueira bem grande; assim você de longe poderá vê-la e saberá que Joãozinho nasceu. Mandarei, também, erguer um mastro, com uma boneca sobre ele”.

Comemorado no dia 24 de junho São João é um dos santos das festas juninas

Santa Isabel cumpriu a promessa e, no dia 24 de Junho, Maria viu uma fumacinha bem distante que depois se transformou em chamas bem vermelhas. Dirigiu-se empolgada para a casa de Isabel e encontrou lá o menino João. Começou, assim, a ser festejado São João com mastro, fogueira e outras coisas belas que representam as chamas vermelhas como foguetes, balões, etc.

Zacarias, o pai de João Batista, teria ficado mudo de alegria por vários meses quando soube que seria pai e só voltou a falar quando o filho nasceu e perguntaram-lhe o nome que daria ao menino. Ao responder “João!” uma multidão o aplaudiu e dizem que também por isso os foguetes e bombinhas fazem parte da festa, representando as vozes e aplausos da multidão que viu nascer quem mais tarde se tornaria um dos santos mais importantes da religião católica.

São João na umbanda é sincretizado com Xangô

A festa de São João é uma das celebrações dentro das festas juninas que acontece em vários países historicamente relacionadas com a festa pagã do solstício de verão, que era celebrada no dia 24 de junho.

Xangô é sincretizado com São Pedro e São João Batista, cujo poder se manifesta na pedreira, é o Senhor da justiça.

Seu símbolo é o machado de duas faces, significando que o machado tanto protege seus filhos das injustiças como os pune quando as cometem, bem como a estrela de 6 pontas cujo símbolo é em si o poder equilibrador do universo.

Xangô, o Senhor da Justiça

Saudação a Xangô – Kawó-Kabiesilé!

Xangô é implacável quando aplica castigos. Seu raio é visto como castigo que fulmina os que não passaram pelo julgamento do senhor supremo da justiça. Da mesma forma, uma casa atingida por um raio é uma casa marcada pela fúria de Xangô.

Xangô pode ser um forte aliado em processos que estejam retidos em tribunais, onde a justiça seja aplicada corretamente, pois ele fará um exaustivo julgamento e todos os prós e os contras serão pesados por este sábio juiz.

Para aqueles que tem problemas na justiça este é o melhor dia para fazer oferendas e simpatias ao “Senhor da Justiça” pedindo misericórdia e ajuda nos processos judiciais.

Oferenda de Xangô para resolver processos na justiça

Ingredientes:

  1. 500 gramas de feijão fradinho (crú)
  2. 08 quiabos (inteiros, crús, lavados e secos)
  3. 04 velas brancas
  4. 04 velas vermelhas
  5. 08 palmas brancas (flores)
  6. 01  lata de cerveja escura (caracu)
  7. 08 folhas de couve com os talos
  8. azeite de dendê para regar

Se possível fazer a oferenda em uma pedreira, próximo a uma cachoeira, em uma mata aos pés de uma árvore, no jardim de uma praça ou no jardim de sua casa. Sempre observando o cuidado com as velas para não provocar incêndios.

Modo de fazer:

  • A couve servirá de prato para a oferenda. Colocar as folhas de couve de forma circular com os cabos para fora e colocar ao centro o feijão fradinho, com os quiabos dispostos em círculo sobre o feijão.
  • Despejar uma boa quantidade de dendê sobre o feijão e os quiabos. Abrir a lata de cerveja (não deve estar gelada) e despejar ao redor até o fim e recolher a lata para o lixo.
  • Colocar as palmas (flores) ao redor sobre a cerveja derramada no chão. Em volta de tudo colocar as velas intercalas pelas cores branca e vermelha.
  • Acender as velas ao redor da oferenda firmando o pensamento em seus pedidos para o senhor da justiça.

No caso de fazer a oferenda em seu jardim, deixar 2 dias e despachar tudo no lixo. Fazer a oferenda antes das 10 da manhã ou após às 18 horas e considerar estes horários para a retirada do jardim.

Saiba mais oferendas e informações sobre Xangô clicando aqui.

Leia mais sobre os santos e orixás de junho:

Santo Antônio sincretizado com Exú é o primeiro orixá homenageado em Junho

São Pedro sincretizado com Xangô homenageado no dia 29 de junho

Exú

Xangô

Processo na justiça?

Envolvido com processos na justiça? Consulte para uma avaliação de sua situação. Encontrarei uma solução para seus problemas com a ajuda de Xangô.

Consulte sobre patuás e talismãs de Xangô para proteção das causas nos tribunais.

Caso precise de alguma orientação para trabalhos mais elaborados e causas mais difíceis que necessitem do auxílio da mãe-de-santo para realizar, entre em contato hoje mesmo!