O orixá Ossaim é senhor das ervas medicinais e litúrgicas, detentor do axé das folhas que nem mesmo os orixás podem privar-se e devem a ele referencia.

Sua importância é primordial no culto umbandista.

Nenhuma cerimônia pode ser realizada sem sua interferência e assistência.

O seu sacerdote é o Babá Olosayin.

Por sua presença, Ossaim traz a influência das folhas para as operações da adivinhação.

O orixá Ossaim e sua Obrigação Anual

Se você desejar fazer sua oferenda o orixá Ossaim no dia 05 de outubro;  deve enviar e-mail informando seu desejo de participar com oferendas particulares.

Oferecemos a comodidade de entregar seus trabalhos espirituais particulares, segundo as regras e fundamentos de Umbanda, e; compartilhar as graças do orixá Ossaim.

Você deve entrar em contato por meio do formulário abaixo. Na mensagem, informe seu desejo de participar das oferendas a Ossaim.

As taxas cobradas são diferenciadas, devido aos materiais utilizados nas oferendas. Enviaremos maiores informações pelo seu email.

 

O orixá Ossaim e seu culto

  • Ferramenta: sua ferramenta tem uma haste central com um pássaro na ponta, do meio dessa haste saem sete pontas, chamada de Opassanìyn.
  • Cores: verde, branco, e todas as variações de verde dependendo da nação.
  • Fio-de-contas: verde, branco, verde rajado de branco ou branco rajado de verde.
  • Animais: Bode e galo, entre outros.
  • Saudação: Ewê ewê asá ou Asá ô ou Ewê ô ou Eruejé, entre outras !
  • Homenageado em 05 de outubro

O orixá Ossaim e as Características dos seus filhos

É difícil encontrar um filho de Ossaim. Seus filhos são pessoas engraçadas, risonhas, alegres e obstinadas. Quando querem, vão e fazem. Podem se tornar violentos e perigosos se estão insatisfeitos ou raivosos.

Sabem conquistar as pessoas e adoram aventuras amorosas. São pacientes quando amam e fazem de tudo para a relação durar. Trabalham demais para conseguir estabilidade e independência.

Lenda do orixá Ossaim (Itan de Ossaim)

Ossaim recebera de Olodumarê o segredo das folhas.

Ossaim sabia que algumas delas traziam a calma ou o vigor. Outras, a sorte, a glória, as honras ou ainda, a miséria, as doenças e os acidentes.

Os outros orixás não tinham poder sobre nenhuma planta. Eles dependiam de Ossaim para manter sua saúde ou para o sucesso de suas iniciativas.

Xangô, cujo temperamento é impaciente, guerreiro e impetuoso, irritado por esta desvantagem, usou de um ardil para tentar usurpar Ossaim a propriedade das folhas.

Falou dos planos à sua esposa Iansã, explicou-lhe que, em certos dias, Ossaim pendurava, num galho de Irôko, uma cabaça contendo suas folhas mais poderosas.

“Desencadeie uma tempestade bem forte num desses dias”, disse-lhe Xangô e; Iansã, aceitou a missão com muito gosto.

O vento soprou a grandes rajadas, levando o telhado das casas, arrancando árvores, quebrando tudo por onde passava e, o fim desejado, soltando a cabaça do galho onde estava pendurada.

A cabaça rolou para longe e todas as folhas voaram. Os orixás se apoderaram de todas.

Cada um tornou-se dono de algumas delas, mas Ossaim permaneceu “senhor do segredo das folhas” de suas virtudes e das palavras que devem ser pronunciadas para provocar sua ação.

E assim, continuou a reinar sobre as plantas como senhor absoluto, graças ao poder (axé) que possui sobre elas.

Jogo de Búzios para descobrir seus orixás e entidades

Se você quer descobrir orixás e entidades que acompanham você desde o nascimento, o Jogo de Búzios di site “Raízes Espirituais” vai revelar e ensinar como cultua-los.

  • Descobre os 3 principais orixás e como cultua-los.
  • Descobre as entidades regentes: Exú, Pombagira, Caboclo e Cabocla, Preto e Preta Velha, e como cultua-las.

COMPRAR